Destaques do "Magazibn"

  • No passado dia 12/12/2018 realizou-se, a segunda edição da prova de Corta-Mato, a nível concelhio, na Quinta da Marinha. Estiveram presentes para competir, nesta prova, sete  alunos da EB/ JI Raul Lino. Todos os alunos participantes deram o seu melhor e estão de parabéns! 

    Continuar...
  • Os dois últimos dias do primeiro período foram marcados desportivamente pelo Torneio Inter-Turmas de Basquetebol, evento que mobilizou perto de 500 alunos do 6º ao 12º ano.

    Continuar...
  • No dia 12 de dezembro, realizou-se o corta mato de concelhio, na Quinta da Marinha, e o Agrupamento esteve representado  pelos alunos do 3º ano ao 12º ano, tendo estes obtido resultados muito bons, tanto a nível individual como coletivo.

    Continuar...
  • A Ibn Mucana volta a participar neste projeto, que é uma forma democrática dos alunos poderem decidir o que fazer com uma parte do orçamento municipal, participando com ideias de projetos para a escola e para a comunidade envolvente.

    Continuar...
  • No dia 10/12/2018 a EB/ JI Raul comemorou os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos com a presença de cinco elementos convidados do CRID (Centro de Reabilitação e Integração de Deficientes) que nos presentearam com o seu saber e um espetáculo musical extraordinário!

    Continuar...
  • Em fase de apuramento estão os alunos que participaram no Concurso Nacional de Leitura 2018/2019 – fase de escola.

    Continuar...
  • No passado dia 5 de dezembro o nosso Agrupamento dinamizou a primeira Etapa do Circuito de Esgrima do Desporto Escolar 2018/19.

    Continuar...
  • A Secção de Dinamização Cultural e a área disciplinar de EMRC lançaram o concurso de Presépios Reciclados. Foram vários os alunos que aderiram a esta iniciativa e alguns dos trabalhos estão em exposição na sala de convívio dos alunos, junto à Papelaria. 

    Continuar...
  • No passado dia 11 de dezembro, no âmbito do projeto “Mathfun”, no refeitório da escola sede, pelas 14h40, teve lugar o Concurso Canguru Matemático, em equipas, evento que contou com cerca de 200 participantes divididos por cerca de 75 equipas, do 5º ao 11º ano.

    Continuar...
  • No âmbito da disciplina de Cidadania e Desenvolvimento, os alunos da turma 6°A dinamizaram um Projeto de Voluntariado “Geração A - Agora os outros!”

    Continuar...
  • No seguimento da nossa participação no Grupo de Trabalho do Uso Devido do Medicamento divulgo o Concurso de Criatividade do Projeto Geração Saudável, dada a sua premência para a comunidade educativa no âmbito da educação e promoção para a saúde:

    Continuar...
  • Personalidade vibrante, criativa e cativante… em duas palavras: Nuno Caravela!
    Ontem, na biblioteca da Escola Básica e Secundária Ibn Mucana, o ilustrador e escritor apresentou "o bando das cavernas" , um grupo muito divertido de jovens que vivem num passado distante e com vivências modernas. 

    Continuar...
  • Os alunos da EBFTL,  nas atividades de Biblioteca, estão a elaborar trabalhos a partir dos livros de Filipa Leandro, mo âmbito do projeto de escola “À descoberta dos mares e oceanos”.

    Continuar...
  • A turma do 1.º C da EB/ JI Raul Lino participou na atividade GINASTICAR. A atividade promoveu o desenvolvimento físico e motor e assegurou a aprendizagem de um conjunto de aquisições motoras básicas e de um conjunto de habilidades gímnicas. 

    Continuar...

Auto da Barca do Inferno nos Jerónimos

No dia 28 de novembro, os alunos do 9.º ano das turmas A e B assistiram à representação do Auto da Barca do Inferno de Gil Vicente, no Mosteiro dos Jerónimos.

Após uma curta visita aos Pastéis de Belém chegaram ao Mosteiro dos Jerónimos curiosos com a arquitetura e a história do Mosteiro, os alunos aguardaram ansiosamente pelo início do espetáculo. De repente, foram surpreendidos por um arauto da época vicentina a chamá-los para um passeio cultural pelos claustros.
A peça inicou-se, num ambiente informal, com as barcas, em escadotes, e os atores a representarem no meio dos alunos, interagindo com eles e arrancando-lhes muitos sorrisos e até gargalhadas.
Este clássico de Gil Vicente pela companhia Ar de Filmes, tem como encenador António Pires que aproveita a crítica mordaz, inteligente e intemporal para criar um espetáculo onde a proximidade com o público e a sociedade atual nos obriga a refletir sobre a nossa condição de "tipos". A forma de representar e a música contemporânea, sob a forma de rap ou rock, relacionam-se com a forma como os jovens se comportam hoje em dia, os seus grupos e os seus tipos, para que se crie uma maior empatia e identificação junto do público escolar, ao qual é maioritariamente dirigido o espetáculo. Do jogo entre os atores resulta um espetáculo divertido, com ritmo e ação, sem nunca descurar o lado pedagógico inerente ao projeto. O texto é representado na íntegra.
“Foi muito giro!”  foi o comentário final mais ouvido.


 

Feliz Natal

A toda a comunidade escolar Feliz Natal e um Ano Novo cheio de positividade e energia